Novo Tempo

legenda

Novo Tempo

Terroristas do ETA foram treinados na Venezuela


Por marciobasso 05/10/2010 - 10h57

Dois espanhóis acusados de integrarem o grupo separatista basco ETA admitiram que foram treinados na Venezuela, de acordo com documentos da promotoria espanhola divulgados nesta segunda-feira.
Segundo o juiz Ismael Moreno, Juan Carlos Besance e Xabier Atristain ficaram na Venezuela entre julho e agosto de 2008 para fazer um curso sobre armamentos. Eles foram presos no dia 29 de setembro no País Basco, no norte da Espanha.
Se confirmada, essa será a primeira admissão por parte dos separatistas sobre a utilização da Venezuela como local de treinamento. Até então, todos os indícios se baseavam em documentos confiscados do grupo na França e em dados retirados do computador do ex-líder das Farc Raúl Reyes, morto em 2008.
As acusações vêm à tona seis meses depois de vários juízes espanhóis terem acusados o governo do presidente venezuelano, Hugo Chávez, de auxiliar os rebeldes do ETA, abrindo uma crise diplomática entre os dois países.
Foto: BBC Brasil