Novo Tempo

legenda

Novo Tempo

Suco de romã impede crescimento de câncer de próstata


Por Gabriela Frontini Ruela 13/12/2010 - 11h44

Pesquisadores da Universidade da Califórnia identificaram substâncias no suco de romã que parecem inibir o movimento das células cancerosas e impedir que o câncer de próstata cause novos focos de tumor (metástases) nos ossos.

A descoberta foi apresentada ontem no 50º encontro anual da Sociedade Americana de Biologia Celular, na Filadélfia (EUA). Os efeitos foram constatados em testes de laboratório. Agora, os pesquisadores da Universidade da Califórnia planejam fazer testes em homens com câncer de próstata para determinar doses eficazes e identificar efeitos colaterais das substâncias. Os efeitos do suco de romã no câncer de próstata têm sido estudado há tempos, mas ainda são controversos.
Em 2006, uma pesquisa da mesma universidade norte-americana detectou uma diminuição dos níveis de PSA (marcador do câncer de próstata) em homens com a doença que tomavam o suco da fruta. Isso sugeriu que, potencialmente, a bebida poderia retardar o desenvolvimento do câncer. Estudos anteriores foram feitos com células cancerosas cultivadas em laboratório que eram resistentes à testosterona.
A resistência ao hormônio sinaliza maior risco de metástase. Nas pesquisas, o suco de romã conseguiu matar um maior número dessas células cancerosas e diminuir sua migração para células sadias.
(fonte: Folha online)