Novo Tempo

legenda

Novo Tempo

Rebelião em complexo penitenciário já deixa 18 mortos no Maranhão


Por marciobasso 09/11/2010 - 02h53

São Luís – A rebelião no Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís-MA, começou na manhã de ontem, quando os detentos tomavam banho de sol. Até o momento foram confirmados 18 mortos, sendo que 3 destes foram decapitados.
O motivo da rebelião seria a rixa entre facções de presos da capital com os da baixada maranhense. Os presos também reivindicam o fornecimento de água, que há 20 dias está suspensa, além de exigirem a substituição do diretor geral da penitenciária, Luis Henrique Serra de Freitas.
Na tarde de ontem as negociações foram suspensas e retomadas hoje às 7h da manhã. Porém, por volta das 9h outra área do complexo deu inicio a uma nova rebelião com quebra-quebra nas celas e tocando fogo em colchões. A nova revolta pode ter sido provocada pela descoberta de um túnel, feito pelos presos.
A Tropa de Choque está presente no local, pois a situação continua instável.
Tatiane Lopes, especialmente para o portal www.cntn.com.br