Novo Tempo

legenda

Novo Tempo

Inflação desacelera em maio


Por marciobasso 09/06/2010 - 01h57

A inflação medida pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo) teve, em maio, a primeira desaceleração em cinco meses, mas segue acima da meta de 4,5% estipulada pelo BC (Banco Central).
No acumulado dos últimos 12 meses, a alta é de 5,22%, influenciada principalmente pelo impacto mais forte dos alimentos ao longo deste ano, que vem impulsionando o índice. De janeiro a maio, a inflação adotada pelo governo subiu 3,09%, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística). Somente os alimentos avançaram 5,48%, terceira maior alta desde 1995.
A inflação dos alimentos em cinco meses já supera os 3,18% registrados ao longo de todo o ano de 2009. Além dos alimentos, impactam também o IPCA ao longo do ano os custos com colégios (6,29% no acumlado, com contribuição de 0,31 p.p.), ônibus urbano (7,15%, contribuição de 0,26 p.p.) e os custos com empregado doméstico (6,56%, influência de 0,22 p.p.).
Com informações da Folha Online