Novo Tempo

legenda

Novo Tempo

ENEM preocupa religiosos


Por admin 17/06/2010 - 03h56

A liberdade religiosa, prevista na constituição federal, está assegurada aos estudantes que guardam o sábado, afirma Reynaldo Fernandes, presidente do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas), órgão responsável pela realização do Enem. As novidades gerou discussão no meio educacional e religioso. “Ficamos preocupados quando soubemos que o Enem que era apenas no domingo, este ano vai ser realizado no sábado. Procuramos o Professor Reynaldo, que nos informou que já estava pensando em uma alternativa para os alunos guardadores do sábado”, cita o Pr. Edson Rosa, líder de comunicação da Igreja Adventista do Sétimo Dia em entrevista à rádio novo tempo.
Para Fernandes, aqueles que declaram a necessidade de guardar o sábado não farão uma prova diferente, mas o grande diferencial é que eles irão para um local especial e, após o pôr-do-sol, farão a prova. O direito de guarda do sábado estará preservado. É importante que, no momento da inscrição, todos os guardadores do sábado façam essa observação
“O Enem será a única forma de acesso para quase metade das universidades federais”, anunciou o ministro da Educação, Fernando Haddad. A novidade é o fato de uma prova só, selecionar candidatos para todas as federais poupando tempo e estresse dos vestibulandos. No formato também houve mudanças e o Enem vai ter 180 questões divididas em quatro partes: linguagens, matemática, ciências naturais e ciências humanas. A prova será realizada nos dias 3 e 4 de outubro e as inscrições podem ser feitas até o dia 17 de julho.
Exame Nacional
O Enem, Exame Nacional do Ensino Médio é o exame realizado após a conclusão do Ensino Médio que tem como objetivo avaliar o desempenho e aprendizado dos alunos, além de somar a pontuação no vestibular, processo seletivo para ingresso nas universidades do país. A prova inovou ao cobrar competências e habilidades, de uma maneira interdisciplinar, ao ser feita pela primeira vez em 1998.