Novo Tempo

legenda

Novo Tempo

David Cameron é o novo primeiro-ministro do Reino Unido


Por marciobasso 11/05/2010 - 05h19

O conservador David Cameron foi nomeado nesta terça-feira, 11, como o novo primeiro-ministro do Reino Unido, momentos depois de o trabalhista Gordon Brown anunciar sua renúncia ao cargo após seu partido perder as eleições do dia 6 de maio.

Rainha Elizabeth II aprova nomeação de Cameron ao cargo de primeiro-ministro


Em discurso em frente à residência oficial do premiê e junto de sua esposa, Cameron disse que pretende formar um governo de coalizão com os Liberais Democratas. Representantes dos partidos estiveram o dia todo negociando uma potencial aliança que garantiria aos conservadores o apoio para sustentar um governo de maioria não absoluta.
Cameron tem 43 anos. Assim, ele se torna o mais novo líder britânico desde o Lord Liverpool, em 1812. A nomeação do conservador coloca um ponto final no ciclo de 13 anos de governo dos trabalhistas sob situação de maioria absoluta.
Cameron ingressou no Parlamento em 2001, quando foi eleito pelo distrito de Witney, onde havia sido derrotado nas eleições anteriores. Em 2005, substituiu Michael Howard na liderança do Partido Conservador.
Os conservadores conseguiram o maior número de membros do Parlamento após as eleições do dia 6 de maio, mas não obtiveram maioria absoluta, e por isso tiveram de recorrer aos liberais democratas para formar uma aliança e garantir a governabilidade.
Logo após serem anunciados os resultados das eleições, Clegg anunciou que daria preferência a negociações com os conservadores, uma vez que tinham obtido o maior número de representantes no Parlamento. Segundo os resultados oficiais, os conservadores conseguiram 306 assentos, contra 258 dos trabalhistas e 57 dos liberais democratas.
estadao.com.br e CNTN, com agências internacinais.